Estela Parra é psicóloga com 11 anos de experiência clínica, especializada na abordagem integrativa.

A psicologia integrativa tem como foco a visão completa e Integrativa do ser humano, envolvendo espiritualidade e metafísica.
Cores

As cores foram escolhidas com base nas características da sua personalidade, além de serem cores já utilizadas no seu consultório. E também como forma de se diferenciar da concorrência.

Amarelo

A cor amarela é feliz, acolhedora e estimulante.
Estimula o otimismo, a criatividade, a concentração e a esperança.
Suas características giram em torno das sensações de sabedoria, conhecimento, confiança, riqueza, relaxamento e otimismo.

Marrom

É uma cor sóbria que consegue transmitir confiança e remete a ambientes naturais.
A sensação do natural e rústico trazem uma espécie de aconchego e segurança.
Transmite sobriedade, seriedade, organização e comprometimento.
O marrom está ligado ao ar livre, campo, terra, conforto, resistência, aconchego, durabilidade e simplicidade.
Remete à terra, que por sua vez nos remete à vida.

Branco
O branco é utilizado como cor complementar, trazendo neutralidade e seriedade. Servirá como coadjuvante, mas terá papel importante nas aplicações.

Contraste

O contraste entre as cores amarelo e marrom é bem visível, tanto visualmente quanto em suas características, que podem ser à primeira vista um pouco contraditórias mas que se complementam.

Diferenciação

Os psicólogos e clínicas de psicologia em sua maioria utilizam cores em tons pastéis, de outras matizes, com azul, violeta, tons de rosa, etc.
A escolha das cores também foi uma forma de se diferenciar dos concorrentes.
Tipografia

Tipografia principal amigável com terminações arrendondadas.
Fonte Audrey - com cantos arredondados, remetendo à nobreza, humanidade e aconchego.
Tipografia de apoio - Montserrat, transicional que remete à seriedade e de fácil leitura.
O símbolo

O símbolo representa um dos arcanos maiores do Tarô, que é uma das bases da psicologia contemporânea – O Mago. Nessa lâmina, o mago está com um chapéu com a aba na forma de lemniscata, que o protege dos raios solares.
A origem da lemniscata

A lemniscata surgiu a partir do desenho de uma cruz com suas extremidades fechadas.
“A lemniscata não é, portanto, um oito deitado, mas uma cruz cujas extremidades se fecham, dando-nos a noção da totalidade do real, de todas as possibilidades do ser.”
“com sua forma de infinito, protege a visão da cegueira da finitude: ele permite ao Mago enxergara além daquilo que é finito. Esse é o significado do chapéu em lemniscata na primeira lâmina do Tarô.”
(Marsili, Italo, 2020 - páginas 26 e 35)
Psicologia Integrativa

O símbolo também possui o significado da integração mente e corpo, unindo também espiritualidade e metafísica, com a simbologia do corpo representada no eixo vertical, e a mente no eixo horizontal.

Versatilidade

O símbolo pode ser utilizado no outro sentido também, representando uma borboleta, que significa a transformação do ser.
Foram desenvolvidos alguns patterns a partir do símbolo.
Obrigado!

contato@leonardolimadesign.com.br


You may also like

Back to Top